Keri Russell na Brooklyn Magazine – Outono 2014


Keri Russell estampa a capa e o interior da edição de outono da revista Brooklyn.

Veja o que a atriz disse sobre morar no Brooklyn e a vida em geral:

Keri sobre por que ela se mudou para o Brooklyn: “Eu acho que aconteceu o que aconteceu com um monte de gente: eu engravidei. E nós ficamos tipo ‘Nós não podemos pagar nada! Onde nós vamos viver?’ Então nós conseguimos uma casa acessível, que na verdade não era tão acessível e o pai dos meus filhos, que é um carpinteiro, a reformou”.

Keri sobre o que ela gosta no Brooklyn: “Eu amo a vizinhança. Eu amo o céu. E nenhum dos meus amigos mora na cidade mais; eles estão todos no Brooklyn também. É um lugar divertido para se viver agora. Além disso, eu passo muito tempo sozinha e é um bom lugar para estar solitária. Mesmo se você não falar com as pessoas por três dias seguidos, você ainda sente a energia. Você pode estar solitário, mas nunca sozinho”.

Keri sobre ser mãe no Brooklyn: “É um ótimo lugar para ter crianças. Acordar às cinco da manhã, caminhar, ver outras pessoas andando também e sentir que há outras pessoas como você: pessoas estranhas em horários estranhos”.

Keri sobre o que ela gosta nos outros pais do Brooklyn: “Eu sou interessada nas pessoas que vivem ao redor. E nas minhas melhores amigas que são amigas de escola, algumas são artistas, algumas são professoras de escola pública, algumas são fotógrafas. Há uma grande mistura”.

Keri sobre o que ela não gosta nos outros pais do Brooklyn: “Meus filhos estão velhos agora e por isso eu não leio livros para pais ou qualquer coisa. Eu sou tipo ‘Livros para pais? Eu não quero livros sobre paternidade! Eu quero falar sobre livros legais de sexo'”.

Keri sobre bicicleta no Brooklyn: “Eu amo minha bicicleta! Eu não vou esconder isso. Eu amo tanto! Eu preciso começar a usar o meu capacete, no entanto. Eu ouvi uma menina dizer no outro dia ‘Papai, por que aquela mamãe não está usando seu capacete?'”.

Keri sobre música, não apenas no Brooklyn, mas em geral: “Eu preciso urgentemente de música. Estou fora do ritmo! Eu tenho escutado coisas antigas. Coisas boas, mas coisas antigas, como Neil Young. E eu estou muito, muito afim de Tom Petty agora. Ouvindo muito Tom Petty”.

Clique nas miniaturas abaixo para visualizar em nossa galeria o ensaio fotográfico da atriz para a publicação: